sábado, 21 de março de 2009

LAURO DE FREITAS/ CAMAÇARI/MATA DE SÃO JOÃO/JANDAÍRA/ESPLANADA

Este blog foi ciado para apresentar alguns terrenos a venda na
"COSTA DOS COQUEIROS"
região litoral ao norte de Salvador.
Contemndo algumas informações sobre as praias mais conhecidas desta região.
01-TERRENO EM BUSCA VIDA -ACESSE
02- TERRENOS EM ITACIMIRIM- ACESSE
03-TERRENOS EM IMBASSAI-ACESSE
04-TERRENO EM AÇU DA TORRE-IMBASSAI-ACESSE
05-TERRENO EM COSTA AZUL-PERTO DE MANGUE SECO

A COSTA DOS COQUEIROS, Litoral Norte da Bahia,inicia na Estrada do Coco inicio depois do aeroporto de Salvador , municipio de Lauro de Freitas,oferece 200km de praia,com mar de aguas mornas,areias clara e macia,coqueirais,matas nativas,lagos,maguezais e dunas.Além de reservas ecológicas que são santuarios para fauna e flora.Hoge,a região é um dos pontos turisticos que mis vem recebendo atenção de investidores no estado e um refúgio de férias para muitos baianos.



The coconut Palms Coast,en the North Coast of the Bahia,has 200kms of beach,with warm sea,clear and soft sand,native coconut bushes,lakes,swamps and dunes,beyond ecological reserves that are a great nature reserve for the fauna and the flora.Today,the region is one of the turist points that more come receiving attention from investors in the atate and a shelter of vacation for many Bahians.


Municipio de LAURO DE FREITAS



Este município possui uns 10 kms de praia e possui três lindas praias:



Depois da Praia do flamengo (último bairro litorâneo de SSA) encrontar-se



1-Ipitanga - em verdade, quem vai pela orla de Salvador, não consegue nem distinguir onde termina uma cidade e começa outra...
2-Villas dos Atlântico- Villas foi concebida na mesma época do Encontro das Águas. Dois condomínios: o primeiro dirigido à classe média alta, e o segundo à classe alta... Eram os "alphavilles" baianos...

Shopping Center de Villas


Entretanto, Villas se desenvolveu de tal forma que deixou de ser um condomínio e virou efetivamente um bairro, com linhas de ônibus, escolas, hospitais, padarias, supermercados, restaurantes, etc. O Encontro das águas permanece intocável, ainda sendo um dos mais exclusivos condomínios da Bahia.




Apart Hotel em frente ao mar








3- Buraquinho- Com a mudança do PDTU (2008)esta região se tornou muito procurada pelos investidores.Hoje encontramos diversos empreendimentos imobiliarios de grande porte e com expectativa de crescimento acelerado.



Encontro do Rio Joanes e o mar







Municipio de CAMAÇARI




Município com aproximadamente 43kms de praia podemos encontrar muitas lagoa, coqueirais, mar azul-esverdeado, areia dourada e muita privacidade. Com diversas praias como:

1-Busca Vida -km10 -é assim por ser uma calmaria total para aqueles que gostam de aproveitar a praia com mais sossego.São 6 Kms de praia.




BUSCA VIDA





Tanta tranqüilidade deve-se ao fato da praia ser praticamente privatizada. Um condomínio residencial construído à beira mar restringe o acesso de veículos aos residentes e turistas hospedados no complexo de hotéis. Poucos visitantes arriscam a caminhada pela areia a partir de praias vizinhas. É nesse clima de intimidade que moradores e turistas curtem o local .Existem muitos condomínios fechados e emprendimentos hoteleiros





2-ABRANTES- A história de Abrantes remonta ao ano de 1558 quando os jesuítas definiram para a sede de sua a missão, uma aldeia de índios Tupinambás, às margens do rio Joanes. Com o objetivo de catequizar os índios, instalaram ali a Companhia de Jesus e deram nome ao lugar de Aldeia do Divino Espírito Santo. Construíram, então, a primeira igreja de palha e barro. Por causa de uma epidemia que matou muitas pessoas, resolveram mudar-se para um local mais saudável, perto do mar e das dunas. Foi então que se instalaram no local que hoje é conhecido por Vila de Abrantes.Em 1624, sendo um dos primeiros núcleos brasileiros, a Aldeia (Abrantes) desempenhou um importante papel na expulsão dos holandeses que invadiram a Bahia, tendo sediado, por alguns dias, o governo brasileiro.




The history of Abrantes went up to the year 1558 when the jesuits defined a Tupinambás Indian settlement, on the banks of The Joanes River, to be the headquaters of their mission. With the aim of catechizing the Indians, they installed there the Company of Jesus and named it as "Divino Espírito Santo" settlement. Then, they built the fisrt church of straw and clay. Because of an epidemic that killed many people, they decided to move to a healthier place, near the sea and the dunes. Therefore they installed themselves in a place that now is named "Vila de Abrantes"


3-JAUÁ-KM 16 - condominios,loteamentso,pousadas e casas.Praias com uma paisagem especial-4 kms de praia


4-INTERLAGOS- KM 20-Condomínio luxuoso com inumeras residencias ade alto luxo.Clube particular e praia exuberante.Totalmente urbanizado se transformou em uns dos mais elegantes condomínio do Litoral Norte.4 kms de praia


5-AREMBEPE-km 24 -"Aquilo que nos envolve”. O significado da palavra Arembepe em tupi guarani expressa a essência do lugar, de beleza incomparável e gente alegre, encravado logo no início da Costa dos Coqueiros, no Litoral Norte da Bahia. Os primeiros registros históricos datam do século 19 e contam que o povoado começou de uma grande fazenda de cocos. As praias (Projeto Tamar, Aldeia Hippie, Piruí, Interlagos) onde arrecifes formam corredeiras, piscinas ou altas ondas e tanto crianças como surfistas podem se divertir; as maravilhosas refeições nos restaurantes à beira mar, o famoso acarajé das baianas e o peixe fresco trazidos pelos barcos dos pescadores; a visita ao Projeto Tamar cuja missão é proteger as tartarugas

Only by getting to Arembepe is how one can undertand the meaning of its name, "something that envolves us", that was given to it from an Indian tribe called Tupy Guarany.
Since the arrival — as one can see, on the left, the white of the herons contrasting to the green of the woods and the blue of the pond — it starts to be shown a wonderful scenario where sparrow-hawks and other birds make their levelling flight


who visits this old fishermen village, has many good things to do:
The beaches (Projeto Tamar, Aldeia Hippie, Piruí, Interlagos) in which the reefs form rapids, pools or high waves, and the children, so as the surfers, can have fun; the wonderful meals on the sea-shore reastaurants; the famous "acarajé" of the "baianas" and the fresh fish that were brought in the fishermen’s boats; the visit to the Projeto Tamar whose mission is to protect the marine turtles

Aldeia Hippie- Um dos maiores atrativos é a Aldeia Hippie, uma das principais referências do movimento da cultura alternativa nas décadas de 60 e 70. A fama do vilarejo, no qual - ainda hoje - a atmosfera rústica tem traços marcantes, foi eternizada por conta das visitas de astros como Janis Joplin, Mick Jagger, Roman Polanski (diretor do filme O Pianista), Gilberto Gil e Caetano Velloso. Na aldeia, funciona uma base do Projeto Tamar para preservação de tartarugas marinhas.Entre 7 Kms de praia.


6-BARRA DE JACUÍPE-KM 34 .O encontro do rio Jacuípe com o mar, uma paisagem belíssima de águas tranqüilas, é a principal característica de Barra do Jacuípe, no litoral de Camaçari. Formada de uma antiga vila de pescadores, a localidade se consolidou como um dos mais procurados roteiros da Costa dos Coqueiros, no Norte da Bahia.Uns 10 kms de praia.
As belezas são tantas que o cantor e compositor Guilherme Arantes escolheu Barra do Jacuípe para instalar o Instituto Planeta Água, uma ONG de preservação ambiental. A região é de grande diversidade e riqueza natural.








7-GUARAJUBA







Guarajuba possui um dos melhores potenciais turísticos de Camaçari e se destaca pela beleza natural e pelo patrimônio artístico e cultural. O nome vem do tupi guarani e significa Garça Dourada, em referência à uma ave muito comum na região das lagoas.
O destaque da localidade está nos condomínios fechados formados por casas luxuosas e aconchegantes, com calçadão e ciclovia. O local é totalmente urbanizado, arborizado e possui uma boa estrutura comercial, com shoppings, restaurantes, pizzarias, sorveterias, delicatessen, farmácias e barracas de praia.


8-ITACIMIRIM





Há apenas 48 quilômetros de Salvador, a natureza revela uma das mais belas praias do Litoral Norte da Bahia. O balneário de Itacimirim, que em tupi-guarani significa Formiga Pequena, encanta pelos rios, mangues, piscinas naturais de águas mornas e ondas de até três metros de altura. Cerca de um quilômetro de praias compõem o cenário desse paraíso, formado a partir de uma vila de pescadores.Praias como a Barra, formada pela foz do Rio Pojuca possui uma água doce e morna do rio, divisor entre os municípios de Camaçari e Mata de São João, desemboca no mar e proporciona um local bastante agradável para banho. Em seguida, vem a praia das Ondas e do Porto. Mais adiante está a famosa Praia da Espera, onde o turista pode encontrar corais, na maré baixa, além de uma excelente oportunidade para mergulho com snorkel e observação de várias espécies de peixes. Graças ao vento, a praia é propícia a esportes como surf, kitesurf, windsurf, hobiecat, canoagem, futebol, frescobol, vôlei e pesca com anzol.




Entre os meses de dezembro e fevereiro, pode-se observar a desova das tartarugas marinhas e no período de agosto a setembro, o mergulho das baleias Jubarte. Ainda na Espera, foi instalada uma escultura em homenagem a Amyr Klink, navegador paulista que no dia 18 de setembro de 1984 completou uma viagem solitária de mais de 100 dias, depois de há três meses, ter deixado a África do Sul. Ele chegou a Itacimirim após ter cruzado o Oceano Atlântico, em um percurso de aproximadamente 7 mil quilômetros, em um barco a remo. Ao sul, está a Praia do Peru, muito procurada pelos surfistas. No local, funciona uma escola de surf.

terça-feira, 17 de março de 2009





1-PRAIA DO FORTE
Praia do Forte é um lugar encantado. Além da paisagem generosa, conta com uma bucólica vila que reúne excelentes opções de hospedagem, com várias pousadas, desde as mais simples até as mais requintadas, bem como hotéis e resorts de categoria internacional. Na antiga Vila dos Pescadores, nativos, pescadores e artesãos convivem hoje com turistas de todas as partes do mundo. Sua população vem sendo constantemente capacitada para o turismo sustentável e melhoria da qualidade de vida. Além das lindas pousadas, você conta com restaurantes, lanchonetes, barzinhos, cafés, lojas, agências de viagem, caixas eletrônicos, joalherias, butiques e galerias de artesanato. Tudo num ambiente de franca hospitalidade, com muita segurança e tranqüilidade. Delícias tropicaisNa Vila dos Pescadores é onde acontecem os agitos dos dias ensolarados e das noites inesquecíveis. Um lugar com muitos pontos de encontro e muitas opções gastronômicas. Restaurantes excelentes oferecem desde a sofisticada cozinha internacional e cozinha regional brasileira ao melhor da comida baiana local, onde os frutos do mar são as grandes estrelas. Praia do Forte é mesmo um convite para viver um sonho inesquecível
Praia do Forte fica a 53 km do Aeroporto Internacional, a 75 km da Estação Rodoviária e a 80 km do Centro Histórico de Salvador. Duas empresas oferecem linhas regulares de ônibus seletivos, com saída da Estação Rodoviária, com escala em pontos do trajeto.
Para quem chega em veículo próprio, passando por Salvador, o acesso é através da BA-099, a Estrada do Coco, até atingir a rótula do km 50, onde fica a entrada para Praia do Forte, bastante sinalizada.
Quem chega pelo norte alcança Praia do Forte através da mesma BA-099, mas no trecho denominado Linha Verde, uma rodovia bem pavimentada e ligeiramente sinuosa, que liga a Bahia a Sergipe e cujo marco fica justamente na rótula que dá acesso a Praia do Forte.
É possível chegar também pelo mar, desde que o navegador tenha experiência em mar aberto e que possua cartas náuticas atualizadas, já que existe na área uma considerável afloração de recifes e, nos estuários dos rios da região, a presença de bancos de areia causados pelas marés.


A-O Castelo do Forte

Erguido estrategicamente no alto de uma colina, o Castelo do Forte Garcia D'Ávila mantém a imponência. Suas ruínas de pedra contrastam com a pequena capela de formato hexagonal e impressionam os visitantes. Para preservar sua história, o Castelo do Forte Garcia D'Ávila foi tombado como patrimônio nacional no início do século passado. A partir de 1981, passou a contar com o apoio da Fundação Garcia D'Ávila e, em 2002, foi restaurado.
As ruínas da fortificação, sua bela capela e um centro de exposições foram preparados para receber milhares de visitantes, ganhando uma iluminação especial. Área para estacionamento de carros e ônibus de excursão. Hoje, um grande programa é apreciar o pôr-do-sol da Colina de Tatuapara, a 68 metros do nível do mar, onde se erguem as ruínas do Castelo.
A história
Mata de São João é um marco na história da colonização do Brasil, que começa em 1549, com a chegada da esquadra de Tomé de Souza, o primeiro governador geral. Ele nomeou Garcia D’Ávila almoxarife real e lhe concedeu uma sesmaria, que incluía o território de Mata de São João.
Garcia D’Ávila, começou a construir, em 1551, a primeira edificação residencial militar do Brasil: o Castelo da Torre Garcia D’Ávila, também chamado Castelo do Forte. É o único castelo existente nas Américas que foi feito à semelhança das construções medievais européias. É a mais antiga obra de pedra do Brasil e só terminou em 1624, com o neto do fundador, Francisco Garcia D’Ávila.
Dicas Uma ciclovia de 4 km liga a Vila de Praia do Forte ao Castelo.
Duração do passeio Três horas.
Como chegar Percorra 56 km pela Estrada do Coco (BA-099) e entre à direita. Siga por cerca de 1 km e entre à direita por mais 4 km até o Parque Garcia D’ÁvilaVale a

B-Ecológica Sapiranga Reserva
Localizada em Praia do Forte, a Reserva Ecológica Sapiranga é formada por 600 hectares de mata atlântica e tornou-se uma das grandes atrações para os apaixonados por ecoturismo e turismo de aventura. A Reserva Sapiranga foi criada em 1999 para proteger a diversificada fauna e flora da região, sendo o habitat natural de diferentes espécies de flores e plantas nativas, como orquídeas e bromélias.As sete trilhasTotalmente preservada, a Reserva oferece sete trilhas devidamente sinalizadas, o que garante a segurança dos “desbravadores”. Seus caminhos podem ser percorridos a pé, bicicleta, quadriciclo ou a cavalo. Você conta com estacionamento e o Centro de Apoio ao Visitante. As trilhas guiadas por experientes biólogos oferecem informações e orientam os turistas quanto a detalhes de proteção à fauna e flora da Reserva. O lugar é lindo. Em cada trilha, há uma nova descoberta, um novo detalhe da natureza. Ao final das sete trilhas, uma surpresa: as corredeiras do rio Pojuca, que enchem os olhos de todos. Suas águas, de setembro a abril, formam uma hidromassagem natural. Você se diverte, e a natureza agradece.
Dicas Siga sempre as recomendações do guia, que irá ajudar a todos quando necessário. Utilize roupas leves, largas e resistentes, calça comprida, tênis ou botas confortáveis (nunca utilize bermudas, chinelos ou sapatos de salto alto). Utilize mochila para carregar objetos de uso pessoal e ficar com as mãos livres. Leve repelente contra insetos e lanche para depois do passeio, de preferência alimentos energéticos. Informe ao guia, antes da visita à floresta, da existência de algum visitante com alergia ou doenças graves. Todos devem se preocupar com o lixo, trazendo de volta o lixo que foi produzido durante a caminhada. Duração do passeio Tempo livre. Como chegar Saia de Praia do Forte e percorra 3 km até alcançar a Linha Verde (BA 099), siga 2 km no sentido sul até a entrada à direita, para a via de acesso ao Centro de Visitantes, e percorra mais 600 m até a guarita de entrada.
C-A arte das baleias jubarte
Todos os anos, de julho a novembro, Praia do Forte apresenta um espetáculo inesquecível da natureza: é a visita das baleias jubarte, que cantam, fazem acrobacias e encantam a platéia. É a época em que elas trocam as águas frias do Pólo Sul pelo mar quente de Praia do Forte, aonde chegam para acasalar e ter filhotes. E, é claro, proporcionar momentos inesquecíveis àqueles que assistem ao show, chamado “baleiada”. Tudo isso acontece a poucos metros da praia e quem conduz o público ao local são as lanchas e o catamarã das agências de turismo, além da escuna do Instituto Baleia Jubarte, com sede em Praia do Forte desde 2000. Espetáculo da naturezaAlém de proteger estes mamíferos da ação dos caçadores, a equipe dos biólogos do Instituto desenvolve um importante trabalho de educação ambiental, orientando os visitantes e transformando pescadores do passado em aliados na preservação da espécie. A “baleiada” é uma oportunidade rara de assistir a um espetáculo inusitado da natureza e conhecer de perto um turista peso pesado, cantor e brincalhão.
Dicas Entre em contato com as agências de turismo em Praia do Forte para agendar o passeio. Além da escuna do Instituto Baleia Jubarte, há opções de passeio de lancha e catamarã. Antes de embarcar, o visitante assiste a uma palestra sobre educação ambiental e normas de procedimento para observação das baleias. Convém levar sacola ou mochila com lanche e água mineral. Qualquer lixo produzido deve ser trazido de volta.Duração do passeio 6 a 8 horas. Como chegar Saia de Praia do Forte utilizando catamarã, lancha ou escuna
D-O show das tartarugas
O desenho da tartaruga saindo do ovo está em toda parte. É a marca do Projeto Tamar-Ibama, do Centro Nacional de Conservação e Manejo de Tartarugas Marinhas, que está em Praia do Forte desde o início dos anos 80. No local funciona a sede nacional do Projeto, que visa preservar a espécie. Praia do Forte é a principal região de desova de tartarugas marinhas do Brasil e também uma importante área de alimentação de tartarugas jovens que já virou atração turística. O Centro de Visitantes do Projeto, montado à beira-mar, oferece uma infra-estrutura completa com lojas, tanques, aquários, bares, restaurantes e o Museu da Tartaruga, em exposição permanente. Ali estão expostos cascos e esqueletos de tartarugas das diferentes espécies existentes no Brasil e são exibidos vídeos educativos, painéis e textos explicativos. O turista conhece as diferentes espécies vivas de tartarugas encontradas no litoral brasileiro, as incubadoras para os ovos e vários tipos de peixes que colorem um grande tanque. O local é o preferido das crianças, que se divertem com as tartarugas gigantes e aprendem noções de ecologia e de cuidados com o meio ambiente. “Tartarugar by night”Para quem gosta de ecoturismo, o bom mesmo é “tartarugar” acompanhando os funcionários do Projeto Tamar. Você e sua família poderão participar do programa “Tartarugar by night”, que consiste em percorrer as praias durante a noite, à procura de ninhos de tartarugas marinhas e ajudar a conduzir ao mar os filhotes recém-nascidos, dando início ao ciclo da vida. É sua chance de assistir ao único engarrafamento que acontece em Praia do Forte: são os filhotes das tartarugas, saindo dos ninhos nas areias e correndo em busca do mar. Um espetáculo de singular beleza. Inesquecível!
Dicas O Centro de Visitantes funciona das 9 às 18 horas. Leve agasalho, repelente para insetos, roupas de cores escuras - para não refletir luminosidade nos animais -, tênis ou sandálias para o “Tartarugar by night”. Quem participa ganha uma certidão de adoção de uma tartaruga que ajudou a nascer. Duração do passeio Tempo livre para aproveitar todas as opções de passeio que o projeto oferece. Como chegar O local fica na Vila de Praia do Forte, em frente ao Farol.
E-EcoResort Praia do Forte

No EcoResort Praia do Forte você escolhe seu eco-programa. São seis piscinas, uma delas parece se encontrar com o mar. O clima é agradável, assim como o hotel, com seus jardins tropicais, flores, árvores frutíferas, espelhos d’água com carpas, lago e até pavões exibindo-se nas passarelas entre os quartos. Um mergulho no lazerA estrutura é completíssima: você conta com três restaurantes temáticos, três bares, esportes náuticos e canoagem. Minigolfe e lazer para todas as idades, dia e noite. Para as águas tão convidativas, a área de esportes náuticos oferece aulas de windsurfe, caiaque, banana boat e pesca oceânica. Aulas de hidroaxé nas piscinas, além de duas hidromassagens à beira-mar. Fitness Center com spa, oferecendo massagens e outros tratamentos, como talassoterapia. Sauna seca e úmida, solarium, piscina exclusiva com equipamentos de hidroginástica e outras novidades. Centro de estética, com salão de beleza e aulas de aeróbica. Cozinha internacional e clubinho infantil A culinária é um dos pontos altos do EcoResort Praia do Forte, com frutas exóticas, pratos baianos, drinks tropicais, doces de dar água na boca. Entre os pratos típicos e cozinha internacional, são 115 itens no café da manhã e 90 no jantar. O EcoResort Praia do Forte também oferece cabanas para crianças em diversas faixas etárias e um clubinho infantil, o Careta Center, com atividades esportivas, recreativas, passeios nas reservas ecológicas e palestras sobre o meio ambiente. Passeios ecológicos inesquecíveisTrilhas ecológicas pelo jardim e pelas margens do rio Timeantube, que fica dentro do hotel, dão uma idéia da exuberância da natureza que você vai encontrar pela frente. São muitas as opções de passeio e cada qual mais tentadora. Você pode passear nas dunas, fazer canoagem em lagoas, observar pássaros, andar pelo coqueiral, passear num cavalo de raça ou em quadriciclos. Você conta ainda com um mirante de 12 metros de altura que contém um deck para observação das baleias jubarte. Cenário de sonhoO hotel tem toda a estrutura necessária para as empresas que quiserem fazer reuniões de negócios ou grupos de incentivo. Para isso, há um salão com capacidade para 200 pessoas, com modernos equipamentos e um Business Center com internet. Todos os 247 apartamentos são amplos, com 38 e 44 m2. Há também três suítes especiais. Tudo isso num cenário de sonho, um autêntico EcoResort, que respeita a natureza e interage com ela.
F-Rede Ibéria
A mais nova rede de hotéis a aportar em Mata de São João é a espanhola IberoStar, nos limites entre Praia do Forte e Imbassaí. Numa localização privilegiada, em meio à natureza em estado puro, foi construído um espetacular hotel de alto luxo, com uma estrutura vocacionada para o lazer e entretenimento. O Hotel IberoStar Bahia ampliará a oferta de hospedagem na região em mais 1.600 novos apartamentos, até a última etapa de construção. Você conta com deliciosas opções em qualquer dos seis restaurantes, os quais dispõem de cozinha baiana, tradicional, de vanguarda, exótica e internacional. São muitas também as práticas esportivas oferecidas, com destaque para o campo de golfe de 18 buracos, tênis, futebol e os esportes aquáticos, além de sauna, massagem, aeróbica e fitness center. Os apartamentos são decorados com elegância e equipados nos mínimos detalhes. Jardins grandes e bem cuidados, quatro piscinas, espaços infantis, solarium e terraços. Há ainda uma sensacional discoteca e salão de convenções para 600 pessoas. O Hotel IberoStar Bahia confirma Praia do Forte como um dos mais disputados locais de destino do turismo internacional.
G-Arua-Km 50
Um lugar ideal para relaxar, esquecer o mundo e aproveitar o máximo as suas belezas naturais. Os turistas se encantam com sua beleza rústica, o ar saudável e o verde por todos os lados. Mergulhos e banhos de sol junto à lagoa fazem a alegria dos visitantes. A infra-estrutura do local é rústica, mas confortável. A culinária à base de peixes e mariscos tem um sabor todo especial, com pitadas baianas de dendê e pimenta. A vista da lagoa de Aruá é um espetáculo à parte, principalmente no pôr do sol. Você também vai se encantar. É um privilégio: aqui você preserva sua paz, preserva sua tranqüilidade. Junto à lagoa de Aruá você vai viver e não ter a vergonha de ser feliz.
2-IMBASSAY- Km 63
Foram os índios, seus primeiros habitantes, que deram nome ao local: Imbassaí, que em tupi significa “caminho do rio”. Hoje, para os moradores, o nome tem outra tradução: “encontro das águas”. Expressão bastante apropriada para um lugar onde as águas do rio e do mar se encontram, proporcionando mais um espetáculo de rara beleza. São 6 km de praias selvagens. O rio Imbassaí corre paralelo ao mar - separados por dunas de areias brancas e um lindo coqueiral - até o encontro de ambos, onde as águas doces e salgadas se juntam para a alegria dos banhistas. O lugar é perfeito para apreciar o pôr do sol, passear de caiaque ou fazer a travessia para a praia de jangada. O mar possui águas mornas e cristalinas e em alguns trechos encontram-se boas ondas para a prática do surfe e outros esportes aquáticos. As barracas de praia, à beira do rio, oferecem um bom atendimento e você saboreia petiscos deliciosos, como caranguejo, pititinga, peixe frito e outros frutos do mar, com cerveja gelada ou outros drinques. Coisa de cinema Os amantes do turismo de aventura também têm o seu espaço em Imbassaí. O rio, as cachoeiras e lagoas da região propiciam a prática de pesca, rafting e sandboarding, além de imperdíveis banhos de água doce. O rio Imbassaí apresenta surpresas como as corredeiras do Areal e a praia do Areinha. A praia é de mar aberto, com ondas fortes. O trecho mais freqüentado pelos banhistas é na foz do Imbassaí, onde o rio se alarga, no ponto de encontro com o oceano Atlântico, possibilitando banho em águas calmas. Muitas barracas de praia espalham-se pela área.
3-SAUIPE- km76 Costa do Sauípe é um sonho. Conseguiu unir as belezas das praias selvagens e coqueirais de sua magnífica paisagem tropical ao luxo e conforto dos mais sofisticados megarresorts já construídos no país. A apenas 76 km do Aeroporto Internacional de Salvador, Costa do Sauípe já se consolidou como o nosso destino turístico mais valorizado. Num complexo hoteleiro único na América do Sul, os visitantes contam com seis hotéis cinco estrelas de bandeira internacional, seis pousadas temáticas, centros de lazer e entretenimento, convenções, atividades esportivas diversificadas, tudo com uma infra-estrutura de primeiro mundo e à beira-mar. Seis hotéis, seis pousadas temáticas Assim é Costa do Sauípe. O megaempreendimento tem hoje uma área total construída de 176 hectares, onde o turista tanto pode conhecer o que é que a Bahia tem de encanto e magia e se deliciar com o jeito de ser baiano. São 1.427 apartamentos e atendem turistas individuais e executivos em convenções, grupos e famílias inteiras que buscam o lazer e o descanso num cenário de sonho, cercado de mordomias por todos os lados.
4-DIOGO-km 83 -Pescadores e agricultores convivem nesta vila rural, com vista para as dunas e para o rio Imbassaí. Uma trilha desce da vila até o rio, que pode ser atravessado sobre uma ponte rudimentar de madeira. As dunas surgem em seguida e indicam um bom lugar para banho. Duração do passeio 1 hora. Como chegar Saia de Imbassaí pela Linha Verde (BA-099) e siga 5,5 km no sentido norte até a entrada à direita para a Vila Diogo, percorrendo mais 1,3 km por estrada de terra até o povoado.
5-SANTO ANTONIO-KmPraia de Santo Antonio Dicas De mar aberto e ondas fortes, a praia é excelente para caminhadas. Uma boa opção é chegar ao local fazendo trekking a partir do vilarejo de Diogo
6-MASSARANDUPIO


7-SUBAUMA


8-BAIXIOS
9-CONDE
10-SITIO DE CONDE
11-SIRIBINHA
12-COSTA AZUL
13-INDIROBA
14-PONTAL
15-MANGUE SECO